Professora usa fibras naturais que comem gordura para perder gordura abdominal

“Tive que provar quem eu era para poder entrar na escola que eu trabalho há 6 anos”

Após retornar de férias com corpo em forma, professora paranaense Marilene Campos quase foi presa em seu próprio trabalho por não ser reconhecida.

Muitas mulheres buscam a Fórmula para emagrecer de forma saudável e sem voltar a ganhar peso novamente.

Existe o desejo de perder aquela gordurinha abdominal insistente.

A professora paranaense Marilene Campos (37), parece ter finalmente descoberto esta fórmula e conquistou o corpo que ela queria.

Na verdade, essa Fórmula funcionou tão bem que ela ganhou fama nacional quando quase foi presa em seu próprio local de trabalho por um motivo um pouco estranho: ela tinha perdido tanto peso que não a conheceram.

Segundo a professora, ela conseguiu esse resultado parando com refrigerante durante a semana e fazendo uso de uma mistura de três fibras recém aprovadas pela Anvisa, que tem a capacidade de eliminar gordura pura... pelas fezes!

Veja nesta matéria como esse episódio aconteceu e como essas fibras funcionam no organismo.

A professora cortou o refrigerante e usou três fibras recém aprovadas pela Anvisa que eliminam gordura nas fezes

Muitas pessoas acham que a única solução para reduzir peso é dieta e exercícios.

É claro, isso funciona para muitas pessoas, porém para algumas não, como é o caso da Marilene Campos.

Após tentar de tudo para reduzir peso, a professora conseguiu sumir com dois dígitos de gordura (ela não nos deixou divulgar) sem ficar suando por horas e horas nas academias lotadas.

Também não ficou sem comer o que gosta e se privando de viver a vida.

Nada disso.

Na verdade, ela seguiu apenas dois passos simples e baratos, que qualquer pessoa comum pode fazer:

  1. Parou de tomar refrigerante (com exceção de aniversários e festas)
  2. Começou a consumir uma mistura de três fibras recém aprovadas pela Anvisa, que segundo estudos científicos, possuem a propriedade de eliminar gordura nas fezes e custam menos do que se imagina.

Essas três fibras são retiradas da casca de crustáceos de águas profundas.

Ao combinar estas três fibras, é criado um composto natural, chamado comercialmente de Kifina.

Apesar de novo, o Kifina já foi aprovado por 14 estudos científicos, já foi liberado para uso em 44 países e já ajudou milhões de homens e mulheres no mundo.

Esse novo composto foi a solução que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) encontrou para combater a obesidade que já chega em 18,9% dos brasileiros e o sobrepeso que atinge 54% da população brasileira, sem precisar liberar os perigosos inibidores de apetite. Os dados são da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção de Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) e foram divulgados dia 18/06/2018 pelo Ministério da Saúde. Fonte: Agência Brasil.

"A Anvisa optou por liberar as fibras contidas no princípio ativo do Kifina, que é tão eficiente no emagrecimento quanto os remédios proibidos, mas não possui os efeitos colaterais prejudiciais à saúde e não faz engordar ao interromper o uso." - Afirma Dra. Kelly Schneider, pesquisadora da Universidade de Denver, nos Estados Unidos.

A fórmula chegou ao Brasil em outubro de 2017, e de acordo com a empresa responsável pela distribuição do produto, existe uma lista de espera para receber o segundo lote dessas fibras, que já está em processo de produção.

Como funcionam as fibras? A fórmula "come" as gorduras do corpo, atraindo elas como um ímã

O que tem de especial nessas fibras que faz emagrecer tanto?

Segundo especialistas, estas fibras não são fibras normais, como as que você encontra no brócolis.

Na verdade, o segredo dessa mistura é que ela é feita de fibras de polaridade iônica positiva, que possuem facilidade para se ligar às moléculas de gordura corporal, que são de polaridade iônica negativa.

Por causa disso, esse composto pode atrair e absorver magneticamente a gordura corporal. O resultado dessa mistura é um gel mole, que além de conter moléculas de gordura, enche o estômago e faz com que o usuário coma menos.

Em detalhes, o composto funciona assim:

  1. Quando as moléculas do composto entram no seu corpo, devido à sua carga positiva, elas se grudam as moléculas de gordura de carga negativa, assim como um ímã se gruda na sua geladeira.
  2. Essa mistura entre composto e gordura forma um gel que fica no seu estômago e te deixa saciada.
  3. Depois de poucas horas, esse gel com gordura junto é eliminado pelo seu corpo pelas fezes.

Por causa desse funcionamento, esse composto é chamado de “Lipo em Cápsulas”, pois as fibras entram no seu corpo e removem a gordura manualmente, sem tocar no seu metabolismo ou hormônios, assim como uma cirurgia de lipoaspiração.

Mas, quanta gordura pode ser removida? Segundo especialistas, depende.

Estudos afirmam que o princípio ativo do composto consegue absorver de 8 a 10 vezes o seu peso em gordura pura.

Isso significa que para cada grama que ingerir do composto, é possível eliminar entre 8 a 10 gramas de gordura. A média fica em 2,7kg eliminados a cada semana, porém alguns usuários usuários afirmam perderem mais no mesmo período, como foi o caso da professora Marilene Campos.

A pesquisadora americana Dra. Carol M. Shields publicou a seguinte explicação sobre o Kifina no conceituado American Health Journal:

"Ela (fórmula do composto) interage com as moléculas de gordura do corpo humano. A fórmula vai prendendo toda a gordura que toca nela, formando um gel. Depois, a pessoa elimina tudo no banheiro. Por causa disso, não é preciso gastar toda a energia acumulada na gordura, e isso é uma grande vantagem para quem não gosta de exercícios físicos.”

Segundo Dra. Carol, a fórmula elimina gordura sem queimar calorias. Veja mais detalhes:

"Esse composto faz a mesma coisa que uma lipoaspiração. Ao invés de ter que queimar essa gordura nas academias, ele apenas embrulha ela em um gel, e depois se defeca este gel no banheiro. É só isso! Bom, na verdade tem sim uma diferença… ao contrário da lipoaspiração de verdade, com o Kifina não precisa de uma cirurgia invasiva com custo alto para reduzir peso. Na verdade, ele é mais barato do que muitas mensalidades de academia que existem por aí" - Dra. Carol conclui.

Entrevista: Marilene Campos quase foi presa por perder peso demais

Marilene Campos antes de fazer uso das fibras.

Entramos em contato com Marilene Campos, a professora que fez uso do Kifina e perdeu peso. Confira a entrevista abaixo:

Redação: Marilene, você ficou muito conhecida recentemente por conta dessa polêmica, pode nos contar como isso tudo aconteceu?

Marilene Campos"Posso, claro! Desde a minha infância eu sempre estive acima do peso. Depois da minha primeira gestação com 24 anos eu comecei a ganhar muito mais peso. Com 32 anos e 1,72 de altura eu já estava pesando 99Kg o que era considerado pelos médicos "grau de obesidade aguda".

Redação: Você já tinha tentado algum método para perder peso antes ?

Marilene Campos"Sim. Já tinha feito várias dietas. Dieta Dunkan, dieta paleolitica, low carb e várias outras coisas. Pensei que a minha única solução seria a cirurgia bariátrica.”

Redação: Você teve algum momento que você disse "CHEGA" e DECIDIU que iria perder peso?

Marilene Campos:"Sim. Foi quando eu vi uma foto minha do lado de uma mulher que tinha a mesma idade que eu. Foi quando percebi ela é que eu tomei a decisão, por entender que era possível. Depois de tentar MUITOS exercícios e reduzir bastante a comida, foi que eu achei algo que realmente funcionou para mim, o Kifina.”

Redação: Você pode compartilhar essa foto com nossas leitoras?

Marilene Campos:"Claro que SIM! (risos). Essa foto foi num parque aquático aqui no Paraná. Como podem ver, apesar da mesma idade, éramos um tanto diferentes...rsrs. Hoje, já posso dizer que estamos bem parecidas."

Foto que fez Marilene Campos decidir perder peso.

Redação: Como você conheceu esse novo suplemento?

Marilene Campos"Foi há uns dois meses atrás. Teve um dia depois que cheguei do trabalho, tomei banho e fui para o quarto descansar e comecei a mexer no celular. Como muitos fazem.

Eu estava lá, distraída olhando algumas notícias do dia, quando vi um anúncio de uma fórmula americana para perder peso recém chegada no Brasil.

Vi o site oficial, ví o vídeo explicando como funciona, depois escolhi o meu kit. Pensei, por que não, né? Não tinha nenhum motivo para não testar.

Paguei em 8x no Cartão e recebi em casa o produto depois de 3 dias."

Redação: Como foi a experiência com o suplemento?

Marilene Campos"Maravilhosa! Logo no 1º dia quando fiz a compra do produto recebi um plano alimentar especial que me ajudou a desintoxicar o organismo. Ganhei uma energia espetacular com isso e sentia como se meu corpo estivesse "varrendo" as toxinas pra fora.

Duas semanas depois a escola entrou em recesso de um mês e meio por conta das férias e de reparos e atualizações que seriam feitas nas salas de aula.

O ponteiro da balança começou a baixar já nas semanas seguintes. No final do terceiro passo tive que trocar meu guarda-roupas. Depois de 6 semanas, fui de três dígitos para apenas 79. Foi quando voltei a trabalhar.

Redação: E como foi essa história de "ser presa por perder peso"? O que aconteceu?

Marilene Campos"Foi bem engraçado na verdade (risos) Ao chegar no portão da escola, como sempre fiz durante 6 anos, cumprimentei o porteiro e quando fui entrar na escola, ele me abordou. Ele perguntou se poderia me ajudar, que naquele horário só poderiam entrar os funcionários.”

“Perguntei se ele não estava me reconhecendo e mostrei minha foto da identidade de anos atrás, ele mal olhou para a foto e disse para eu me identificar, se não ele iria chamar a segurança.”

Achei que ele estava brincando, e segui para a sala dos professores. Depois de alguns minutos, os seguranças chegaram e fiquei “presa” no meu próprio trabalho por uma hora até que um outro professor chegou no local e me reconheceu.

Redação: Você continua fazendo uso das fibras ou você já parou de tomar?

Marilene Campos:"Eu interrompi o uso pois já cheguei na minha meta. Eu pensei que podia voltar a ganhar peso, mas até agora não ganhei nenhuma grana sequer!"

Como Experimentar o Kifina? Leitoras desta matéria possuem vantagens exclusivas

Após conversar com os fabricantes, nós reservamos 100 frascos de Kifina para nossas Leitoras. Você pode adquirir o Kifina com até 55% de desconto e pagar em 12 vezes. Oferta válida até o fim do mês de lançamento.
Entramos com contato com os distribuidores do Kifina no Brasil, a empresa TDS Suplementos.

Por causa da semana de lançamento do Kifina, eles concordaram em disponibilizar 100 frascos com desconto de até 55%, exclusivo para nossas leitoras.

AVISO - Oferta termina dia: 12 de Novembro de 2018.
A CORPO&FORMA reservou 100 frascos de Kifina para nossas leitoras. Você ganha até 55% de desconto e parcelamento em até 12x.

Atenção: esta promoção é de lançamento, válida apenas quanto durarem os estoques. Tenha vantagem com nosso link exclusivo e ganhe até 55% de desconto e parcelamento em até 12x clicando no botão abaixo:

 

 

Efeitos colaterais e o que acontece quando você parar de tomar

Ao contrário dos termogênicos e inibidores de apetite, o Kifina não tem efeitos colaterais prejudicias à saúde.

O que acontece ao ingerir o Kifina? Ao contrário dos inibidores de apetite e termogênicos, as fibras do Kifina não têm efeitos colaterais nocivos à saúde.

Para explicar o porquê e fazer uma comparação entre os emagrecedores, convidamos o professor de Medicina e pesquisador, Dr. Paulo Estevez.

Redação: E os termogênicos, aqueles que aceleram o metabolismo?

Dr. Estevez:"Os termogênicos forçam o corpo a acelerar o metabolismo, mexendo na bioquímica dele. Por consequência, a pessoa começa a queimar calorias e a perder peso, mas também acelera o coração. Isso pode levar a problemas cardíacos e, em casos mais sério, até mesmo infarto. Assim como os inibidores de apetite, assim que parar de tomar, o metabolismo vai voltar a ser como era, e irá ganhar tudo de novo. Ambos os inibidores de apetite e os termogênicos são apenas soluções de curto prazo e que geram efeitos colaterais devastadores para algumas pessoas ou até funcionam muito bem, mas os riscos à saúde superam os ganhos.

Redação: E as fibras do Kifina, você recomenda? Qual sua opinião?

Dr. Estevez"O que eu sempre indico para perda de peso são exercícios físicos e reeducação alimentar. Isso é o mais correto. Porém, algumas pessoas simplesmente não conseguem apenas com isso, e pensando na saúde delas, eu sou obrigado a dizer que as fibras do Kifina são superiores aos termogênicos e aos inibidores de apetite, e possuem minha recomendação apenas para quem não teve resultados com exercícios ou dietas. Para pessoas que tentaram de tudo e nada funcionou, então as fibras do Kifina podem ser uma alternativa, com uso limitado a duas cápsulas por dia.”

Redação: Poderia nos dar mais detalhes?

Dr. Estevez: “Claro. O Kifina é composto de fibras naturais que não alteram a bioquímica do corpo. As fibras são ingeridas, depois se ligam às moléculas de gordura, e depois são eliminadas. O metabolismo não sofre nenhuma mudança e os hormônios da saciedade também não. Logo, não existem efeitos colaterais. Porém, ele é contra-indicado para gestantes, pois as fibras podem “roubar” gorduras essenciais para o desenvolvimento do bebê, como os triglicerídeos de cadeia média.”

Redação: Mas, e se parar de tomar?

Dr. Estevez“Uma vantagem do Kifina em relação a muitos produtos do mercado é que com ele, quando a pessoa parar de tomar, não vai voltar a aumentar nem sequer uma grama. Isso acontece porque o Kifina não altera o estado natural do corpo. A única coisa que acontece é que vai parar de perder peso, pois não vai mais ter fibras de carga positiva no corpo.”

“Mas se a pessoa usar o Kifina por algumas semanas e atingir o seu peso desejado, pra que vai querer mais, não é mesmo? Aí já pode interromper o uso e aproveitar a vida com mais saúde." - Conclui o médico.

Veja o que algumas das nossas leitoras falaram sobre o Kifina. Você experimentou e gostaria de dar seu depoimento? Envie um email para: redacao@corpoeforma.com.br e nos conte a sua história!

“A primeira vez que vi o Kifina foi no jornal do meio-dia. Fui procurar no meu celular sobre ele na internet e acabei encontrando essa matéria da CORPO&FORMA. Esperei o dia do lançamento e fiz o pedido do meu kit. Comecei a fazer uso do produto, e fui percebendo a diferença e só parei com refrigerante. Estou segunda semana agora e extremamente feliz, super recomendo para todas que me perguntam,... estou louca para saber o que vai acontecer se eu continuar usando até o final do mês!” - Karolyne Almeida, 39, Curitiba

“Eu testei o Kifina e não funcionou para mim. Eu dei o produto para minha irmã e parece estar funcionando para ela. ” - Juliana Alves, 48, Rio de Janeiro

“O Kifina deu um up no meu casamento. Meu marido agora que eu vejo que ele me deseja mais e sempre me procura à noite na cama.” - Depoimento Anônimo

“Vocês deveriam ver as minhas colegas de trabalho quando eu voltei das minhas férias, foi inacreditável! Como diz aquela propaganda, não tem preço! kkk. ”- Janaína Neves, 32, São Paulo

“Uma das coisas que eu valorizo é a saúde. Eu já tinha tentado todo o tipo de dieta, academia, tudo. Mas nada me fazia atingir o meu peso ideal, até que eu resolvi experimentar o Kifina. Até agora está tudo bem, a fórmula me dá uma sensação de saciedade incrível.” - Sônia Ferreira, 58, Fortaleza.

A empresa que distribui o Kifina no Brasil, a Neolife, oferece a garantia de 100% satisfação para as leitoras da CORPO&FORMA.

Essa oferta é exclusiva para leitoras da CORPO&FORMA e válida apenas até que o período de lançamento acabe ou enquanto durem os estoques.

AVISO - Oferta termina dia: 12 de Novembro de 2018.
A CORPO&FORMA reservou 100 frascos de Kifina para nossas leitoras. Você ganha até 55% de desconto e parcelamento em até 12x.

Atenção: esta promoção é de lançamento, válida apenas quanto durarem os estoques. Tenha vantagem com nosso link exclusivo e ganhe até 55% de desconto e parcelamento em até 12x clicando no botão abaixo: